Murdoch defende WSJ com conteúdo grátis

Não trata de rádio, mas é uma informação que interessa a todos, então, novamente peço licença para sair do nosso foco central.

Da Revista Info

NOVA YORK – O presidente da News Corp, Rupert Murdoch, disse que está inclinado a tornar gratuito o serviço online do Wall Street Journal.

Murdoch, que selou um acordo de 5,6 bilhões de dólares para comprar o grupo de mídia Dow Jones & Co, controlador do Wall Street Journal, rejeitou as críticas de que a gratuidade do principal diário de finanças dos Estados Unidos afete a saúde do jornal.

“Parece ser esse o caminho para o qual estamos indo”, disse Murdoch a investidores em uma conferência em Nova York.

Os comentários vieram um dia depois de o jornal New York Times afirmar que vai encerrar o serviço pago TimesSelect com o objetivo de atrair mais propaganda online.

Analistas têm dito que tornar gratuito o site do Wall Street Journal pode ser arriscado, já que é uma das raras iniciativas da Internet que têm conseguido atrair assinantes pagantes.

Mas a cobrança tem impedido a atração de um público ainda maior em todo o mundo. Isso tem restringido a publicidade online, cujas taxas são baseadas no número de assinantes.

Por Kenneth Li, da Reuters

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s